quarta-feira, 14 de dezembro de 2016

Hiato

Sussuros, eram sussurros que se ouvia pela noite adentro. Não se sabia mais que horas eram, nem qual música tocava na velha vitrola que insistia em repetir a última estrofe de uma letra que não tinha a ver com o momento, mas a melodia ecoava nos pelos arrepiados, no coração acelerado como uma injeção de tesão, de ânimo.
Olhos fechados e gota a gota o suor ia escorrendo pelos corpos quentes, úmidos que molhavam a cama, o que restava do lençol que tentava em vão ficar esticado, o travesseiro amassado e as roupas perdidas entre as mordidas, o cheiro....
Apelos e apertos na imensidão de desejo que o momento servia.
"Fica mais...fica mais".

E a vida volta ao normal, a casa continua vazia, o café continua sem passar acumulando o pó próprio do tempo que passa, o pão sem margarina, o banheiro impecavelmente enxuto, o sofá para uma pessoa apenas e a casa sem os sapatos misturados espalhados pelo chão.
E o sexo é ótimo, a conversa é tão boa quanto o sexo, vocês riem da mesma coisa. E por isso que não dá  para pedir que a pessoa fique mais. Simplesmente não dá. Não dá porque você não tem coragem de dizer que mudaria sua vida toda para ter esses momentos constantemente. Não dá porque você não tem coragem de dizer que ela é a pessoa da sua vida e que vocês teriam os melhores momentos da vida de vocês juntos e que você é louca pra ter um filho com ele, com aquele cabelo, com aquela cor de olho, com aquele jeito lindo e manso. Não dá simplesmente porque se você tentar novamente se apaixonar por essa pessoa não vai dar certo e porque você sabe que essa vida foi feita para você ficar sozinha. Não dá porque você sabe que vai sofrer todas aquelas dores de novo porque de um momento para o outro a pessoa vai aparecer com outra pessoa, na maioria das vezes, mais interessante do que você, ao lado dela. Não dá para pedir que fique porque você tem plena consciência do tanto que você é egoísta e incapaz de dividir algo bom com alguém e mais egoísta ainda porque você não quer dividir nada porque sabe que não vai dar em nada todos aqueles sussurros. Eles se perdem no tempo, no vazio das paredes acumuladas de um branco mais vazio ainda.

E o melhor a dizer nessas horas é: que pena que não ficaremos juntos. é uma pena. E sair de cena com o coração estraçalhado em pedaços mínimos. Sabendo realmente que esse mundo de amor, de troca, de sentir o outro é apenas momentâneo. E fim. 


Nenhum comentário: